Bônus

olhar3

Na vida existe uma lei que devemos obedecer. A essa lei damos o nome de “destino”. E aos senhores desse destino damos muitos nomes, muitas identidades. Mas no final somos apenas peças de um grande tabuleiro tentando nos apropriar de alguns “bônus” no percorrer dessa estrada. 

Esses bônus são os presentes que ganhamos independente da nossa força. São os dons, as bênçãos, os milagres. É o tempo que ganhamos, o tempo com felicidade, com tempero exótico e marca de grife…

É o emaranhado dos prazeres espontâneos, e também dos planejados. É o bônus de sentir prazer mesmo com todos os motivos para lamentar. É para esse bônus que lutamos todos os dias, que paramos para contemplar a vida, que rezamos para agredecer e pedir um pouquinho mais. É para ser merecedor de algo “a mais” do que o que está no nosso cardápio para esta vida que acreditamos, que buscamos. É por causa desse “bônus” que temos esperança, que renovamos nossa fé. É por ele que que queremos e pedimos mais…

Fui! (renovar meus votos, esconder meus infinitos pecados e desfrutar ao máximo meus preciosos bônus…)

Cris Coelho

A minha literatura é livre de estereótipos, padrões e convenções. Ela entrega poesia onde há cotidiano. E renova minha fé em mim e no mundo. Cris Coelho, Escritora & Poetisa