Não Importa…

não importa

Não importa realmente se você foi embora… continuo agradecendo a você, todos os segundos em que me senti admirada com a verdade dos seus olhos. Agradeço os instantes em que você tocou o meu corpo e os segundos de felicidade que conjugamos ao rir das nossas piadas inventadas.

Não importa se você resolveu ir embora da minha vida; você foi, mas eu fiquei com tanto de você… fiquei com o seu tom de voz nasalado ecoando suave na minha mente barulhenta, com a sua mania de pontualidade que me irritava, mas que me mantinha nos trilhos. Fiquei também com a sua forma um pouco louca de olhar o mundo, aquela que me instigava a fugir do controle que eu mantinha sobre os patamares firmes da minha vida.

Realmente não importa mais se a sua vida se enraizou em outro local que não é a minha cama, não importa se você hoje admira um outro alguém e ama uma pessoa com outro colorido, mais vivo e mais natural que o tom pesado que cobre os meus cabelos brancos; não importa… eu sei que nós dois fomos feitos exatamente para nós dois, e, ainda que você não enxergue isso, é essa verdade que consola o vazio que você deixou do lado esquerdo do meu corpo; é essa verdade que esquenta o frio da minha alma, todas as vezes em que me levanto com o pensamento de tudo que vivemos e de tudo o que eu havia desenhado para viver ao seu lado; e é essa verdade que consola minha vida desregrada, com todas as nuances mais caretas, aquelas que ainda encontraram seu sorriso depois de uma noite sem dormir…

E no dia seguinte, eu percebo que o que eu consegui guardar de você é tanto, mas tanto, que me enche de felicidade pensar nesses momentos, que foram poucos, mas que eu consegui transformar em uma eternidade ao seu lado. Esses momentos renderam uma vida inteira sentindo seu perfume, amando seu sorriso e desejando boa noite apenas com o toque que você me ensinou…

Fui! (amar você da forma que eu sei…)  

Cris Coelho

A minha literatura é livre de estereótipos, padrões e convenções. Ela entrega poesia onde há cotidiano. E renova minha fé em mim e no mundo. Cris Coelho, Escritora & Poetisa

One thought on “Não Importa…

Comments are closed.