Skip to content

Por que não?

maio 26, 2017

b9c2f9a6f8367e67102a69e0471f6149

Eu vi muitas oportunidades passarem por mim. Eu vi o tempo que perdi analisando todos os pontos, vi a vida que não vivi e vi como o medo me paralisou diante de tantas novidades.

Vi em um passado remoto uma pessoa que acreditava, que julgava que era possível confiar em alguém, que não tinha medo da decepção, caso ela viesse. Era uma pessoa destemida, forte, corajosa. Um alguém que jogaria tudo para o alto só para viver um grande amor. Mas essa pessoa amadureceu e, junto com seu corpo veio também a consciência de que contos de fadas não existem, são fabricados na mente criativa dos que “acreditam”…

E quando penso novamente em você, me lembro que não era através de mensagens que você se comunicava comigo, era através do olhar. E isso, faz toda a diferença.

Mas quando penso em “nós” realmente não consigo me lembrar do conjunto que fazíamos, só consigo me lembrar do que eu sentia, me lembrar de quem eu era na sua época.

E, de repente, descubro que posso não ser mais essa pessoa que acreditava em sonhos, mas que posso vivê-los um pouquinho a cada nova estação, a cada novo amor de verão…

Fui! (acreditar, por que não?)

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: