A parte que me separa de você…

corpos

A parte que me separa de você é anexa ao meu prazer mais pungente, que insiste em lembrar-me dos poros que se abrem em um compasso de alegria e desespero, que aguardam o calor sufocante que exala da sua pele e que regozijam ao toque suave dos seus pelos mais escondidos…

Cris Coelho

A minha literatura é livre de estereótipos, padrões e convenções. Ela entrega poesia onde há cotidiano. E renova minha fé em mim e no mundo. Cris Coelho, Escritora & Poetisa

Deixe uma resposta