A Última Dança

De todas as danças que desfrutei nessa vida, a última será especial. Dançarei com mais vontade que em toda a minha existência, pulsarei em agradecimento aos parceiros que me apoiaram, que me conduziram, que me fizeram girar. Reverenciarei aqueles que tentaram me boicotar, mas que ao invés de me fazerem desistir, só me incentivaram a continuar e melhorar. 

Para continuar lendo o restante do texto Faça Login ou Cadastre-se.

Cris Coelho

A minha literatura é livre de estereótipos, padrões e convenções. Ela entrega poesia onde há cotidiano. E renova minha fé em mim e no mundo. Cris Coelho, Escritora & Poetisa